Día mundial de la leche: mitos y verdades

55noticiasSAL0615_mitoseverdaes[EN PORTUGUÉS]

O ser humano é o único mamífero que continua tomando leite após o desmame. O leite é a maior fonte de cálcio encontrada na natureza. A ingestão diária de três porções de lácteos. Tomar leite com manga faz mal à digestão. Mitos ou verdades?

São inúmeras as recomendações de profissionais da saúde para uma alimentação saudável. Entretanto, as receitas para perda de peso ou para controle de doenças envolvem, em muitos casos, a retirada por completo de determinados tipos de alimentos que contém nutrientes importantes. Por isso, a Associação Brasileira de Laticínios (Viva Lácteos) faz um alerta para aquelas que proíbem indiscriminadamente ou restringem o consumo de leite e derivados. Do ponto de vista nutricional, o consumo de leite e derivados em todas as fases da vida cumpre importante papel para saúde, à medida que os lácteos são a principal fonte de cálcio para os humanos, além de serem ricos em proteínas de alto valor biológico, fósforo, potássio, vitaminas D, A, B2 e B12 entre outros nutrientes e devem ser consumidos em quaisquer dietas para uma alimentação balanceada e equilibrada.

A Viva Lácteos destaca que uma alimentação saudável é um conjunto de nutrientes que se completam. Não é correto se avaliar um alimento isoladamente sem se avaliar sua contribuição para o todo da dieta. Quando a alimentação é adequada, o organismo se mantém são.

No Dia Mundial do Leite, a Viva Lácteos apresenta alguns mitos e verdades sobre o consumo de leite.

Leite desnatado é leite integral com água.

Mito. O que caracteriza o leite desnatado é o reduzido teor de gordura, que pode chegar, no máximo, a 0,5%. Leite desnatado ou semidesnatado possuem a mesma quantidade dos outros nutrientes do leite integral, com carga calórica reduzida. Em 200ml de leite desnatado encontram-se, em média 65 Kcal, enquanto que a mesma quantidade de leite integral gera, em média, 120 Kcal.

O adulto não deve tomar leite.

Mito. Os nutrientes do leite, proteínas, cálcio, vitaminas e outros minerais, são essenciais em todas as fases da vida. O consumo de cálcio é vital para manter seu nível estável no sangue, se não, o organismo consome o cálcio dos ossos, gerando osteoporose, por exemplo.

Alergia à proteína do leite é diferente de intolerância à lactose.

Verdade. A alergia é uma reação do sistema imunológico a determinados alimentos. O leite pode ser um deles e, nestes casos, seu consumo deve ser restringido.

A intolerância alimentar à lactose se refere à dificuldade de digerir o açúcar existente no leite e é provocada por uma deficiência do organismo na produção da enzima lactase responsável por sua digestão. Nesse caso, o consumo de leite e derivados é possível de acordo com o nível de intolerância que, em alguns casos, é momentânea. Para intolerantes à lactose derivados de leite como iogurtes e a maioria dos queijos podem ser consumidos, uma vez que na transformação do leite em iogurtes ou queijos, o teor de lactose diminui ou é totalmente eliminado. Profissionais da saúde podem analisar o nível de intolerância e recomendar a dose diária possível para cada pessoa.

Além disso, existem no mercado leites e derivados com lactose reduzida ou mesmo com 0% de lactose, o que permite o consumo de lácteos por pessoas intolerantes.

Leite e derivados são essenciais para a dieta humana?

Verdade. O leite é considerado um alimento completo por conter proteínas, fósforo, potássio e zinco,ser a maior fonte de cálcio e importante fonte de vitaminas A ,D, B2 e B12. O leite pode contribuir ainda para prevenção de doenças do coração, diabetes e controla nível de colesterol no sangue. A recomendação da Organização Mundial de Saúde é de três porções por dia de lácteos.

Leite fortalece os dentes.

Verdade. Por ser a principal fonte de cálcio, o leite contribui para formação dos dentes e auxilia na contenção de cáries e proteção das gengivas.

Não se pode tomar leite com manga.

Mito. Não há comprovação científica sobre isso. Historicamente, o mito surgiu na época da escravidão, quando os senhores de engenho usaram este argumento para que os escravos, grandes consumidores de manga, não consumissem leite. O leite pode ser consumido em diversas preparações, batido com frutas, como milk-shakes, etc.

Leite pasteurizado ou em caixinha perde nutrientes.

Mito. Os diferentes tipos de tratamento térmico não reduzem o valor nutricional do leite no que se refere aos seus principais nutrientes: proteínas, cálcio e outros minerais. Quanto às vitaminas, não há perda significativa das vitaminas, exceto da vitamina C (ultrapasteurização), da ordem de 10% a 20%, o que não tem importante significado nutricional, uma vez que o leite não é considerado fonte primária dessa vitamina.

Mulheres grávidas devem evitar leite.

Mito. O leite é excelente fonte de cálcio e proteínas de alto valor biológico, benéficos para o feto em formação.

É necessário ferver o leite antes de tomar.

Mito. Tanto o leite pasteurizado, como o leite longa vida (UHT), não devem ser fervidos, pois já passaram por processos que eliminaram os microorganismos prejudiciais à saúde. Quanto ao leite cru, dado seu alto risco à saúde, não deve consumido. Sua comercialização para consumo direto é proibida no Brasil.

CURIOSIDADES

Você sabia que, além de alimento, o leite também é uma bebida hidratante e por isto recomendada para praticantes de exercícios físicos? Consumir leite após exercícios é benéfico para regeneração de músculos e hidratação. Para aqueles intolerantes à lactose uma outra curiosidade: é possível consumir leite sem lactose e derivados como queijos maturados e iogurtes, de acordo com o nível de intolerância.
Confira outras curiosidades sobre este alimento, considerado um dos mais completos.

– Análises históricas revelam que o consumo de leite de vaca, pelo homem (ou pelos humanos), tenha começado há 11.000 anos, com a domesticação dos primeiros animais.

– O alimento mais consumido do mundo é o leite. São consumidas cerca de 480 bilhões de litros de leite por ano seja puro ou em suas variações como iogurtes, queijos, sorvetes e outros derivados.

– Leite em pó nada mais é do que o leite de vaca que passa por um processo de “secagem”.

– O consumo de leite quente antes de dormir auxilia no sono. O cálcio estimula o relaxamento e o aminoácido triptofano aumenta a quantidade de serotonina no cérebro, um neurotransmissor bastante importante no processo do desencadeamento do sono.

– Tomar leite contribui para prevenção da obesidade, doenças no coração, diabetes, síndrome metabólica e ajuda a controlar os níveis de colesterol no sangue.

– Estudo publicado pela Universidade da Califórnia, nos EUA, revela que o consumo de leite contribui para a perda de peso. Segundo o relatório, pessoas com diferentes faixas etárias que consomem leite são mais magras e tem menos tendência a serem obesas.

As informações são da Viva Lácteos.

Fuente: Milk Point, Brasil. 01-06-15